Joao Gomes Realarte
Olhar a arte com olhos de ver. Looking at art with eyes that see.
joao-gomes-escritor-879-748.jpg

Blogue Artes Literárias

Este blogue é dedicado ao pensamento do dia e a vários artigos, sobre variadíssimos temas escritos pelo autor.

Imoralidade

É IMORAL QUE SE GASTEM MILHÕES EM ARMAMENTO COM O INTUITO DE SE MATAR OS NOSSOS SEMELHANTES, QUANDO ESSES MILHÕES GASTOS DEVERIAM SERVIR PRECISAMENTE PARA SALVAGUARDAR OS MESMOS.

É imoral que se deite diariamente toneladas de comida fora, quando a dita poderia alimentar muitas pessoas com fome.
É imoral que se gastem milhões à procura de vida noutros planetas, quando os ditos milhões deveriam ser gastos para minimizar os efeitos dos atentados ambientais que se tem cometido.
É imoral que seres humanos que não produzem qualquer tipo de riqueza, enriqueçam a olhos vistos, enquanto os que produzem cada vez mais pobres.
É imoral que seres humanos tenham várias casas (fechadas) e outros seres humanos se vejam obrigados a dormir ao relento por não terem um tecto.
É imoral que se afirme que se ama a Deus, quando se destrói deliberadamente a sua obra. (Abate indiscriminado de árvores, descargas de material radioactivo nos mares, poluição nos rios, ares empestados, terras envenenadas com tanto pesticida, sendo que o dito acaba nos rios subterrâneos etc.)
É imoral que se esteja à frente de uma instituição de caridade e se enriqueça a olhos vistos.
É imoral que se façam peditórios para os necessitados e que grande parte do pecúlio arranjado com os ditos peditórios, seja para alimentar ordenados chorudos e outras regalias.
É imoral que aqueles que elegemos para governar, se esqueçam disso e que só pensem no seu próprio governo.
É imoral numa sociedade que se diz democrática, haver dois tipos de ensino. (Público e privado.)
É imoral que a justiça só seja aplicada ao pequeno, vivendo o grande impune.
É imoral que uma mãe venda o fruto do seu ventre (barriga de aluguer), assim como é imoral aquele que compra o fruto desse ventre.
É altamente imoral continuar-se a poluir o planeta com combustíveis fósseis, quando há muito que existem alternativas muito mais amigas do ambiente. 
É imoral que se sacrifiquem as pessoas em prol de coisas, quando deveria ser precisamente o contrário.
É imoral que os governantes peçam sacrifícios ao povo, quando eles não estão dispostos a fazê-los.
É imoral dizer que Deus é amor, quando em simultâneo se está a meter a bala na arma, a preparar o cadafalso, a cadeira eléctrica, o nó corredio, a injecção letal.
É imoral exigirmos aos outros aquilo que nós não estamos dispostos a fazer.
É imoral não ter qualquer resquício de moralidade, é imoral toda a imoralidade que graça no planeta.